Morre Tadao Takahashi, um dos pioneiros da internet brasileira
08/04/2022 08:35 em Pessoas

O engenheiro da computação Tadao Takahashi, considerado um dos pioneiros da internet no Brasil, morreu nessa quarta-feira (6) aos 71 anos, em decorrência de problemas cardíacos. A informação foi confirmada pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP), da qual ele era fundador.

Graduado em Ciência da Computação pela Universidade de Campinas (Unicamp) na década de 1970, Takahashi criou uma das primeiras redes acadêmicas digitais do país. O projeto serviu como a espinha dorsal da web no território nacional, ao conectar universidades de vários estados e do Distrito Federal.

Ele fundou a RNP em 1989, ficando no comando da instituição, vinculada ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), até 1996. Já em 1999, o pesquisador criou e liderou o Programa Nacional para a Sociedade da Informação do Brasil (SOCINFO), iniciativa que auxiliou na articulação e expansão do uso estratégico da internet no país.

Tadao Takahashi ao centro, durante evento realizado em 2017.

Fonte:  RNP/Divulgação 

 

Além disso, Takahashi ajudou da criação do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), fazendo parte dele entre 1995 e 1998 e de 1999 a 2003. Ele também teve atuação destacada no desenvolvimento das políticas públicas sobre iniciativas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) das Nações Unidas, Comissão Europeia e Fórum Econômico Mundial.

 

Hall da Fama da Internet

Também formado em Comunicação Social pela Unicamp e em Informática pelo Instituto de Tecnologia de Tóquio (Japão), o professor foi indicado ao Hall da Fama da Internet em 2017. Criado pela Internet Society, o prêmio homenageia personalidades de grande importância no desenvolvimento da web.

No seu discurso de nomeação para a categoria “Conectores Globais”, Tadao ressaltou a importância dos jovens na construção do futuro do país, aproveitando as ferramentas oferecidas pela tecnologia da informação. “É hora de articular o futuro, passar o bastão e ter a certeza de que uma geração ansiosa e entusiasmada assumirá”, afirmou.

Conhecido como um dos pais da internet brasileira, ele também tinha grande preocupação com a inclusão digital. Em uma época onde poucas pessoas possuíam acesso à rede, no início do século XXI, Takahashi defendia a ideia de que a conexão deveria ser disponibilizada para todos os cidadãos sem condição de pagar por ela.

O velório acontecerá nesta sexta-feira (8), em Campinas (SP).

 

 

 

Via: TecMundo

 

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!

       

           

          

PUBLICIDADE